Está aqui

Gestor do Programa Operacional do Algarve tomou posse

Separadores primários

O presidente Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve (CCDR Algarve), David Santos, é o Gestor CRESC Algarve 2020 (Programa Operacional Regional do Algarve para o período 2014-2020) sendo assim presidente da Comissão Diretiva do programa atrás referido, tendo como vogais não executivos Efigénio Rebelo e Jorge Botelho.

A cerimónia da tomada de posse, realizada na passada sexta-feira, 19 de dezembro em Lisboa, foi presidida pelo ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional Miguel Poiares Maduro, numa cerimónia em que esteve presente a Comissária Europeia para a Política Regional, Corina Cretu.

O “CRESC ALGARVE2020” dispõe de uma dotação de 318,6 milhões de euros, dos quais 224,3 milhões de euros do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) e 94,3 milhões de euros do Fundo Social Europeu (FSE). Este valor representa um acréscimo de 84% face ao actual período de programação (2007-2013).

Além destes valores estão alocados ao Algarve, 8,6 milhões de euros do PO IEJ (Iniciativa Emprego Jovem).

De acordo com as declarações do ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Portugal está «entre os primeiros países a arrancar com os programas operacionais, o que nos vai permitir lançar nos próximos dias um primeiro concurso para empresas», afirmou o membro do Governo.

Para além do ministro Poiares Maduro e da Comissária Europeia para a Política Regional, a sessão de lançamento dos Programas Operacionais e tomada de posse dos gestores dos Programas Operacionais, contou ainda com a presença do Comissário Europeu para a Investigação, Inovação e Ciência, Carlos Moedas, dos ministros Anabela Miranda, Luís Marques Guedes, António Pires de Lima, Nuno Crato, Pedro Mota Soares e de diversos Secretários de Estado

A versão integral do CRESC Algarve 2020 poderá ser consultada aqui.